São várias as atitudes de um líder de verdade:

A clareza das expectativas deve permear as atitudes do líder que, além de definir os objetivos das tarefas deve também descrever o que espera em relação ao cumprimento delas. Assim, o líder interage e ajuda a sua equipe a entender o resultado esperado com as atitudes que executam, isso é mais importante do que dizer a elas o que elas devem fazer.

Ser um bom ouvinte também é uma característica importante e uma atitude constante do bom líder. Compreender o ponto de vista da sua equipe é importante, pois as soluções surgem quando todos estão comprometidos. Ouvir é uma estratégia para engajá-los e envolve-los com a causa das tarefas.

Outra importante atitude do líder é deixar claro para a sua equipe os critérios pelos quais ela será avaliada pelo cumprimento das metas estabelecidas. Agindo assim, os membros conseguem se comprometer mais e ter uma melhor performance para a entrega do resultado esperado.

Mas o líder não deve se esquecer das recompensas! Elas devem ser estimulantes e não apenas com o fim de premiar, mas também de reconhecer a dedicação e envolvimento de todos. Um simples obrigado e o elogio pelo alcance do objetivo de uma atividade pode ser uma ação recompensadora efetiva. Para aqueles que são ávidos por desafios e são confiáveis, podem receber mais poder de autonomia.

Para que o termômetro da eficácia esteja sempre operante, o líder deve também focar o feedback, demonstrando como está o andamento das atividades esperadas e a conduta de sua equipe para atingi-las. Outra habilidade importante do líder é também mostrar o feedfoward, ou seja, o que se espera da equipe no futuro, mediante análise da situação presente.

O líder precisa ainda fazer com as pessoas se sintam valorizadas pelas ideias apresentadas e principalmente reconhecidas como as autoras dos bons frutos. Dê mérito a quem realmente fez, valorize a criatividade, a iniciativa e os resultados conquistados de cada profissional.

Mas para alcançar tudo isto que foi apresentado é preciso o maior alicerce de todos: a confiança! É preciso mostrar que se preocupa de verdade com o outro e com o seu crescimento profissional. O líder também deve estar comprometido e não apenas envolvido com sua equipe, senão a recíproca será falsa.

Marcelo de Elias é palestrante, especialista em líderança e coautor do livro Ser Mais em Gestão de Pessoas.

Crédito imagem: freedigitalphotos.net/digitalart

RELATED ITEMS
Informações do Autor

Marcelo de Elias

Palestrante, professor e escritor especialista em mudanças e em gestão de pessoas. Suas palestras estão entre as mais bem avaliadas do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *