Football: O Breakers está de volta! Time irá disputar o Estadual de 2017

Quem estava sentindo falta de ver o Jaraguá Breakers em campo poderá matar as saudades na próxima temporada. Após tirar um ano sabático e focado apenas para treinamentos, o time jaraguaense de football (futebol americano) voltou a se filiar a Federação Catarinense e confirmou presença no Estadual de 2017, juntando-se ao Corupá Buffalos como os representantes da região.

Campeão nacional de 2013, os ‘Quebradores’ voltam a disputar uma competição catarinense, após cinco anos de ausência. “Um dos motivos para termos largado o Estadual foi o desgaste físico dos atletas por ter a disputa do Torneio Touchdown. A expectativa é muito boa na competição por ter grandes equipes e poder voltar a jogar contra Buffalos, Joinville, Timbó, entre outros. Serão jogos muito interessantes a nível de clássico”, disse o presidente e wide receiver da equipe, Everton Gnewuch.

Atualmente, o time laranja tem 37 atletas aptos para jogar, além de outros novatos que surgiram durante a temporada. A intenção ainda é buscar mais 10 jogadores com experiência para fechar o elenco. Já o comando técnico será do ex-quarterback da equipe, Jackson Kestring, substituindo Dennis Prants, hoje head coach do Redlions, de Joinville. “O Kestring tem feito um trabalho ímpar. Ele resolveu que não queria mais jogar e focar no trabalho de head coach, que era seu grande desejo. Surgiu a oportunidade aqui, ele se propôs e aceitamos. A evolução dele vem sendo enorme e a experiência a cada jogo vai aumentar. Ele foi nosso quarterback e todo grupo o respeita e tem muita admiração”, declarou Gnewuch.

Clube de football busca novos patrocinadores

O Campeonato Catarinense da modalidade terá início no fim do mês de março ou começo de abril. Mas este não será o único compromisso do Breakers em 2017. Treinando três vezes por semana, a equipe planeja disputar outro torneio de football no segundo semestre, que poderá ser a Copa Sul, Liga Nacional ou Superliga Nacional.

Para isto, a diretoria busca novos patrocinadores para arcar com todas as despesas, como viagens, alimentação e inscrições nos campeonatos de football. Os apoiadores de 2015 permaneceram, a clínica IOT, Barbi Academia, IESC, Get It e Clean Card. Mas, de acordo com Gnewuch, o clube precisa de novos incentivadores para o projeto.

“A permanência dos apoiadores foi uma coisa incrível, inesperada e muito importante. Agora, precisamos de mais patrocinadores para nos auxiliar nas outras despesas. Para excluir a responsabilidade de tudo, um projeto num valor de R$ 200 mil a 250 mil/ano, jogaríamos os dois semestres, sem problemas financeiros”, afirmou o presidente, que ainda destacou a satisfação em poder ter o Jaraguá Breakers novamente em competições.

“Fico muito contente de poder afirmar que o Breakers voltará a competir ano que vem. Não foi fácil desistir dos torneios em 2016, mas naquele momento era necessário. Todos entenderam e respeitaram a decisão. Esperamos um 2017 muito positivo para o clube”, finalizou.

Texto e imagem: Lucas Pavin/Avante Esportes

Informações do Autor

Bruna Borgheti

Jornalista formada pelo Bom Jesus/Ielusc, de Joinville-SC, é acadêmica do curso de Letras da UniCesumar. À frente da redação das publicações do Grupo Dom7, faz a edição e curadoria de conteúdo do site e já teve suas aventuras pelo mundo corporativo, mas gosta mesmo é de um documento de Word em branco.
Tem sugestões pra dar? É ela que você está procurando. Entre em contato pelo [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *