Os países do Leste Europeu que não podem faltar na sua viagem

Se você acha que a Europa se resume à Itália, França, Alemanha e países semelhantes, está muito enganado. Os territórios não tão “populares” do Velho Continente estão recebendo cada vez mais turistas nos últimos anos, e não é para menos: para além de uma turbulenta história marcada por guerras, os países do Leste Europeu oferecem paisagens exuberantes, regiões litorâneas idílicas, áreas de montanha incrivelmente belas e uma arquitetura sem igual. Some a isso a vida noturna agitada e a vibrante cena artística, e você vai perceber que pode estar na hora de desviar dos roteiros mais convencionais para apostar nessa experiência.

Leste Europeu: As principais atrações da porção central da Europa

LESTE EUROPEU

Os países do Leste Europeu podem ser identificados por algumas características em comum, como a forte presença dos idiomas eslavos e da religião cristã-ortodoxa. Além disso, a maior parte deles adotou, em algum momento da sua história, um regime econômico socialista e de partido único – experiência que enriqueceu ainda mais seus costumes e oferece ao turista ocidental a oportunidade de entrar em contato com uma cultura muito particular.

Mas, por onde começar essa viagem? Tradicionalmente, são considerados integrantes do Leste Europeu países como a Rússia, Letônia, Polônia e Eslováquia, mas a lista contém mais de vinte nacionalidades. E como você não pode tirar um ano sabático para dedicar à região, talvez seja uma boa ideia começar pelos destinos a seguir.

Alemanha Oriental

Apesar de não ser mais considerada parte do Leste Europeu, a Alemanha Oriental ainda conserva traços da época em que o Muro de Berlim dividia o país ao meio. Por lá, é essencial visitar cidades como Frankfurt, Munique e Berlim – além dos riquíssimos City Tours, que passam pelos principais pontos arquitetônicos das cidades, é possível ver os traços da reconstrução de Berlim, os tradicionais cabarés berlinenses e os museus mais famosos do país. Munique ainda sedia a Oktoberfest mais famosa do mundo e oferece o Castelo de Neuschwanstein, que inspirou o Castelo da Cinderela, de Walt Disney.

Polônia

O nono maior país da Europa é essencial para qualquer viajante. Em Varsóvia, é possível caminhar pela famosa Cidade Velha, o Monumento a Chopin, ouvir a obra do compositor e ainda passear pelo maravilhoso Parque Lazienski. Czestochwa é um dos maiores centros de peregrinação da Europa, levando ao Monastério de Jasna Gora. Em Oswiecim é possível visitar Auschwitz, o principal campo de concentração nazista. Já a Cracóvia oferece belas construções medievais, um passeio pelas Minas de Sal, lagos subterrâneos e um jantar ao som de violinos no Kazimierz, o antigo gueto judeu.

Bélgica

A Bélgica é mais famosa pela sua capital, Bruxelas, que é também cidade-sede da União Europeia. Além do Museu de Cera Madame Tussaud e as “vitrines” do Distrito da Luz Vermelha, quem visita a capital mais liberal do mundo ainda entra em contato com as praças mais deslumbrantes da Europa e uma arquitetura muito particular.

LESTE EUROPEU

Países Baixos

Sua capital, Amsterdã, oferece maravilhosos passeios de barco pelos inúmeros canais, pontes e a arquitetura peculiar que permeia a cidade. As casas de Rembrandt e de Anne Frank estão lá para serem visitadas, e a capital mundial do diamante também pede um passeio a pé pelo centro histórico, repleto de animadas praças e cafés.

República Checa

Você sabia que Praga, a capital da República Checa, é considerada uma das mais lindas cidades da Europa Oriental? É por isso que ela merece um “City Tour” a pé, passando pela Catedral de São Vito, Beco de Ouro, antigo Palácio Real, o bairro de Hradcany, a Pequena Praga e a Igreja de Nossa Senhora da Vitória, chegando à Cidade Velha. O misterioso Bairro do Castelo também é imperdível, assim como os famosos cristais tchecos e o pôr-do-sol na Ponte Carlos.

LESTE EUROPEU

Hungria

Budapeste é dividida em duas partes pelo rio Danúbio: em Buda, o roteiro precisa incluir a histórica Colina do Castelo, o Bastião dos Pescadores, a Ponte das Correntes, o Monte Gellert, a Ilha de Santa Margarida, a Igreja de Matias e o Castelo de Buda; em Peste, ficam o Parlamento Nacional, a Praça dos Heróis, a rua comercial de Vaci Utca e algumas das tradicionais casas de banho, como a luxuosa Termas Gellert. A vila barroca de Santo Andrés também é uma boa pedida, reunindo o melhor do artesanato húngaro.

Áustria

Viena, a capital austríaca, pede um passeio pela Ringstrasse, o anel que circunda a cidade. A partir dele, é possível visitar a Ópera de Viena, com uma das melhores acústicas do mundo, os prédios da Prefeitura e do Parlamento e a estátua de Minerva. São incríveis também a rua Graben, lotada de lojas e cafés, o Palácio de Hofburg, com arquitetura que vai da gótica à neorrenascentista, e a Karntnerstrasse, uma linda rua de pedestres em que se encontra a mundialmente famosa torta de chocolate vienense. Para fechar o dia, você ainda pode se deleitar assistindo a um espetáculo de Ópera.

LESTE EUROPEU

Que tal apostar em um roteiro incrível para conhecer tudo isso de perto?

A Viajare Turismo está com uma programação incrível pelo Leste Europeu que ainda inclui a visita à melhor Oktoberfest do mundo, em Viena. São 21 noites e 18 dias de passeio por cidades históricas e belezas naturais como as que você conheceu acima, trazendo a experiência de uma parte muito diferente da Europa que está esperando para ser descoberta por você!

A saída é no dia 11 de setembro de 2017, com volta ao Brasil no dia 01 de outubro. Além dos destinos incríveis, você ainda aproveita a hotelaria de primeira categoria, o atendimento personalizado e o acompanhamento de um guia brasileiro desde o Brasil!

Quer saber mais? Deixe seu comentário ou entre em contato com a Viajare Turismo! 😉

 

Informações do Autor

Bruna Borgheti

Jornalista formada pelo Bom Jesus/Ielusc, de Joinville-SC, é acadêmica do curso de Letras da UniCesumar. À frente da redação das publicações do Grupo Dom7, faz a edição e curadoria de conteúdo do site e já teve suas aventuras pelo mundo corporativo, mas gosta mesmo é de um documento de Word em branco.
Tem sugestões pra dar? É ela que você está procurando. Entre em contato pelo [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *