Os melhores temperos para cada tipo de carne

O tempero básico do brasileiro se resume, geralmente, ao sal, cebola, alho, pimenta e cheiro e verde. O resultado, é claro, é delicioso; mas você pode ir muito além disso para criar variações no preparo e surpreender seus convidados. Com as dicas abaixo, dos melhores temperos para cada tipo de carne, apostamos que o seu churrasco vai arrancar elogios e um corte de frango nunca mais vai ser o mesmo!

Carnes vermelhas assadas

Cebola, cebolinha, alho granulado, cominho, cravo-da-índia, gengibre fresco ralado, pimenta chilli ou calabresa, raiz forte (quando houver molho), salsa, mostarda em pó, tomilho e chimichurri.

Chimichurri: Um molho tradicional usado na Argentina e no Uruguai para churrascos e que inclui salsinha, alho, cebola, tomilho, orégano, pimenta vermelha moída, pimentão, louro, pimenta do reino negra, mostarda em pó, salsão, vinagre e azeite de oliva.

Carnes vermelhas grelhadas

Alecrim, chimichurri, coentro e pimenta calabresa.

Carnes vermelhas cozidas ou ensopadas

Cominho, louro, mostarda, noz-moscada, orégano, páprica doce ou picante, pimenta-da-jamaica, salsão, salsinha, zimbro, curry, gengibre fresco ralado e tomilho.

Zimbro: Uma espécie de pinheiro, com frutos em formas de bagas que passam por um processo de secagem para serem utilizadas como tempero. Geralmente ele é utilizado com o acompanhamento do gim, mas também fica ótimo em conservas, marinadas, carne de porco, aves e carnes de caça.

Carne de vitela

Ervas frescas ou açafrão, casa de limão ralada, louro, cravo, páprica, mostarda, salsinha, noz-moscada, sálvia e tomilho. A pimenta deve ser evitada por dar amargor à carne, mas um sabor mais acentuado é possível com o uso de limão e alcaparras, vinagre, tomate, azeitonas, laranja ou vinhos de sabor forte, como Madeira ou Marsala.

Carnes de aves

Alho granulado, cebola, cebolinha, chimichurri, pimenta calabresa ou chilli, cominho, salsa e colorau.

Porco e carneiro

Limão, coentro, chimichurri, alecrim, erva-doce, pimenta calabresa, hortelã, manjericão e manjerona.

Peixes

Tanto com peixes inteiros quanto postas, não precisa exagerar: utilize sal, um pouco de alho e pimenta do reino. No primeiro caso, não se esqueça de temperar também o lado de dentro. Limão e vinagre ajudam a dar consistência, dependendo do tipo de peixe. Para um sabor diferenciado, aposte no alecrim, manjericão, sálvia, manjerona, louro e segurelha. Ervas finas como estragão e tomilho não devem ser misturadas, pois interferem no sabor.

Carnes fritas

Acrescente noz-moscada e salsa.

Molhos para carnes

Use cominho, curry, molho shoyu, noz-moscada, páprica doce ou picante e pimenta calabresa.

Picadinhos

Colorau, hortelã, salsa e pimenta calabresa.

Carne moída

Hortelã, manjericão, manjerona, menta, pimenta calabresa ou shoyu.

Hambúrgueres

Alcaparras, cominho, macis (casca da noz-moscada), mostarda, menta, pimenta calabresa, segurelha.

Goulash (guisado de carne)

Cominho ralado, páprica picante ou doce.

Para marinar

Combine sempre um líquido ácido com temperos e ervas. Pode-se usar vinagre, suco de limão ou vinho seco, entre outros, em combinação com temperos como alho, coentro, dill, louro, tomilho e salsa.

DICA: Para marinar, utilize sempre recipientes de vidro, cerâmica ou aço inoxidável, para não interferir no sabor. Se for marinar por até meia hora, deixe-a fora da geladeira. Mais do que isso, mantenha-a dentro da geladeira em um vasilhame com tampa.

Fonte: Temperos e Especiarias
Imagem: Chun Kit To

 

 

Informações do Autor

Bruna Borgheti

Jornalista formada pelo Bom Jesus/Ielusc, de Joinville-SC, é acadêmica do curso de Letras da UniCesumar. À frente da redação das publicações do Grupo Dom7, faz a edição e curadoria de conteúdo do site e já teve suas aventuras pelo mundo corporativo, mas gosta mesmo é de um documento de Word em branco. Tem sugestões pra dar? É ela que você está procurando. Entre em contato pelo [email protected]

1 Comentário
  1. Izzy Rainer

    1 de abril de 2017 de 14:21

    Adorei o site, parabens!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *