Plus Size: modelo jaraguaense lança campanha por mais opções

O mercado de roupas plus size cresce, em média, 10% ao ano. Mas, ao contrário do que muitos podem imaginar, ainda faltam opções para o público gordo. Quem busca se vestir bem enfrenta dificuldades diárias em encontrar peças comuns ao guarda-roupa de qualquer pessoa, como camisas, ternos, jaquetas e cardigãs com corte e numeração adequados.

Foi vivenciando essas situações negativas e, muitas vezes, traumáticas, que o modelo e blogueiro plus size catarinense Otavio Janecke resolveu agir e lançar a #comprariamasnaotem. A campanha online busca conscientizar, principalmente, grandes redes de departamento quanto à inexistência de roupas para os consumidores gordos no mix disponível nas lojas brasileiras.

Segundo ele, a proposta é agrupar postagens de produtos que poderiam ter potencial de mercado no universo plus size. “Não quero entrar na onda do mimimi, mas, sim, chamar a atenção para o volume de negócios que estão sendo perdidos, simplesmente, porque não encontramos o produto no nosso tamanho”, explica.

#comprariamasnaotem é um estímulo a novos negócios

O blogueiro teve a ideia da hashtag ao passear, recentemente, por um shopping na cidade de São Paulo e se frustrar com as poucas opções disponíveis. Conforme Janecke, após percorrer três andares de lojas, encontrou apenas um ponto de vendas que comercializava produtos também com numeração para gordos. E, mesmo assim, em pouca quantidade, já que ele se deparou somente com duas versões da peça que procurava.

Nesse momento, o modelo percebeu que, apesar de algumas marcas desenvolverem vestuário plus size, a oferta ainda é pequena frente ao público crescente. “Acredito que todos têm direito à escolha para compor seu estilo na hora de vestir. O guarda-roupas do gordo abrange as mesmas peças de quem não é gordo, mas quando queremos fazer um look um pouco mais sofisticado, temos dificuldade em conseguir”, enfatiza.

No inverno, por exemplo, jaquetas com modelagens modernas são abundantes em lojas de departamentos. Entretanto, homens gordos como Janecke enfrentam problemas para comprar as peças, simplesmente, porque não são produzidas numerações correspondentes aos consumidores plus size.

Plus Size: um mundo feito de camisetas

Ele ainda comenta que, na maioria das lojas, os gordos têm acesso, exclusivamente, a camisetas.  “Mas, não vestimos apenas camisetas, queremos camisas sociais, precisamos de blazers mais formais e um tricot confortável para assistir a um filme no cinema. Só conseguimos isso depois de garimpar muito”, desabafa. O problema, de acordo com o blogueiro, atinge todas as pessoas “um pouco acima da média”. No caso dele, o manequim abrange calças tamanhos 48 ou 50 e camisas entre o número cinco e sete.

Para colaborar com a campanha, basta publicar uma foto de um produto e incluir a #comprariamasnaotem. “Imediatamente, os participantes vão beneficiar quem já vende produtos plus size, já que a marca poderá entrar em contato com o comprador em potencial, assim como ajudará possíveis investidores a entender que tipo de produto tem potencial de mercado. É realmente uma via de mão dupla e todos saem ganhando”, destaca o modelo, que já fez diversas postagens relacionadas ao tema nas redes sociais e também no site www.oplussize.com.br.

Sobre Otávio Janecke

Um homem acima do peso que, até bem pouco tempo, não suportava ser chamado de gordo. A vida de Otávio Janecke era infeliz, pois ele não se encaixava no padrão de beleza imposto pela indústria da moda. Em luta constante com a balança, não por uma questão de saúde, mas, sim, de estética, o publicitário resolveu assumir o próprio corpo a partir de um convite para posar como modelo em uma campanha de produtos voltados ao segmento plus size.

Hoje, o influenciador digital se define como um gordo com autoestima, autoconfiança e motivado a inspirar outros homens na mesma situação. O modelo e blogueiro acredita que qualidade de vida é muito importante e que o peso não pode ser um impedimento para avançar em outros tópicos da vida. Hoje, Janecke atua como modelo para marcas brasileiras de moda masculina plus size e inspira outros homens a se aceitarem como são.

Texto: Entrelinhas Comunica



                                                                                                               Publicidade
Informações do Autor

Bruna Borgheti

Jornalista formada pelo Bom Jesus/Ielusc, de Joinville-SC, é acadêmica do curso de Letras da UniCesumar. À frente da redação das publicações do Grupo Dom7, faz a edição e curadoria de conteúdo do site e já teve suas aventuras pelo mundo corporativo, mas gosta mesmo é de um documento de Word em branco.
Tem sugestões pra dar? É ela que você está procurando. Entre em contato pelo [email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *