Tiradentes e a culpa: afinal, o que há de bom em assumi-la?

Dita a história que Tiradentes assumiu toda a culpa da inconfidência mineira e foi enforcado por isto, enquanto todos os outros restaram soltos, transformando ele num personagem histórico. Outros, afirmam que a história não foi bem assim, que na verdade ele foi enforcado porque tinha patente militar inferior aos outros e era pobre.

Independente dos reais fatos, quero ressaltar a ideia de que ele confessou e assumiu sozinho a culpa pelo grupo todo e pagou com a sua vida por tal ato.

Pode parecer surreal, mas até hoje temos executores que buscam Tiradentes em suas equipes e pessoas que querem ser iguais a ele, mesmo que seja o caminho da rua o seu destino.

Como assim?

A reflexão essencial cinge-se a palavra culpa. Será que precisamos em cada erro encontrar um único culpado, execrá-lo e dizer que tudo se resolveu porque fulano ou beltrano foi demitido?

Será que ao culparmos alguém de uma atitude tiramos de todo restante (equipe, procedimento, sistematização) a responsabilidade?

Será que somente uma pessoa erra quando um fato vem a tona?

Tenho convicção que não.

Precisamos compreender que quando um erro acontece, como a perda de um prazo, por exemplo, poderá até uma pessoa ter lançado errado, ou algo não ter sido lançado, contudo, mesmo com o erro de alguém, não existia procedimento de backup da informação, não existia duplicidade de controle e por aí a fora.

Não se trata de eximir quem errou, mas sim compreender que errar é algo que pode acontecer a qualquer um e os procedimentos, controles e ajustes devem nos ajudar a minimizar estes erros.

Não adianta trocar 6 por meia dúzia.

Não adianta ficar trocando de pessoa a cada 6 meses.

Não adianta resolver tudo de maneira simples e simplista.

OU compreendemos que numa empresa tudo depende de todos e que a engrenagem não funciona por uma pessoa; OU vamos sempre trocar pessoas achando que resolvemos todos os erros e veremos os erros novamente acontecerem.

#FicaaReflexão

________________________________________________________________

Artigo escrito por Gustavo Rocha

GustavoRocha.com – Consultoria em Gestão e Tecnologia Estratégicas

Celular/WhatsApp/Facebook Messenger: (51) 8163.3333

Contato Integrado: [email protected] [Email, Gtalk/HangOut, Twitter, LinkedIn, Facebook, Instagram, Youtube]

 

RELATED ITEMS
Informações do Autor

Gustavo Rocha

Ainda sem descrição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *