Venda é coisa S.É.R.I.A. – descubra o que isso significa

Amadores vendem; profissionais ajudam as pessoas a resolverem seus problemas!

Há um abismo entre aqueles que fazem da arte e ciência do VENDER um trabalho amador. O mundo perde muito com isso, em todos os aspectos.

Vender é coisa séria, requer tempo, estudo, dedicação, muito empenho e um comprometimento enorme.

Diante disso, criei o acrônimo SÉRIA, onde prescrevo algumas características que vendedores profissionais possuem e que fazem da venda um momento único e de valor.

SENSIBILIDADE: vender requer sensibilidade. O vendedor profissional tem um “feeling” especial. Ele é capaz de perceber num gesto, num olhar do cliente, se está na direção correta da venda. Parte desse feeling é natural, mas pode-se adquirir essa percepção maior por meio de intensa leitura, sobretudo, do estilo comportamental de cada cliente. A PNL aplicada em vendas tem ajudado muitos vendedores nisso. Porém, uma dica muito interessante, útil e de fácil aplicação segue há tempos: seja empático, ou seja, se colocar no lugar do cliente para tentar sentir o que ele está sentindo. Vale muito também perguntar ao cliente, por exemplo: “eu estou me fazendo entender? Há algo que deseje uma resposta e eu não estou conseguindo responder?” Isso demonstra respeito e interesse. Não há ninguém que saiba mais sobre o que o cliente precisa do que ele próprio.

ENERGIA: Vender requer energia. Sem entusiasmo, sem energia não convencemos nem uma criança a comer um doce. Vendedores profissionais, que fazem da venda um grande momento acordam energizados. Eles abrem os olhos e dizem: “Obrigado meu Deus por mais um dia de vida e, é claro, de boas vendas. Adorei o dia de ontem, por isso, me dá mais vendas hoje, quero ser melhor ainda”. Vendedores profissionais fazem uma blindagem mental conta o pessimismo, contra as reclamações. Eles agradecem pelo trabalho e seguem em frente. Ao chegar no local de trabalho, transmitem boas energias a todo o grupo e jamais se deixam contaminar pelos urubus de plantão, cuja única coisa que fazem benfeito é lamentar;

RECIPROCIDADE: vendedores profissionais já perceberam que não há fidelidade em vendas. Há sim reciprocidade: eu entrego um excelente produto e serviço, somados ao sorriso peculiar, a forma de falar e atender, trato bem as pessoas a ponto de elas serem recíprocas comigo, adquirindo de mim o que iriam adquirir em outro lugar. Venda é uma ação mútua, recíproca. Eu ajudo o cliente a resolver seus problemas e ele me ajuda a pagar o colégio das crianças, a comprar um carro, uma casa…

INTELIGÊNCIA: os ignorantes se dão bem na vida; os imbecis é que se dão mal. Os ignorantes não sabem, ainda. Os idiotas não querem saber e ficam, quando conseguem, no mesmo lugar, estagnados. Vendedores profissionais são inteligentes em muitos aspectos. Eles conhecem seus produtos e serviços, porém, vão além. Leem muito, se especializam, participam de treinamentos, aprendem com os erros dos outros. Também são inteligentes emocionalmente. Para que a profissão de vendedor dê os resultados que ela pode dar, o vendedor precisa compreender que todas as metas que planejar já são dele, já existem; ele só precisa pagar o preço para se desenvolver a ponto de alcançá-las;

AMOR: sem amor nada é tão benfeito. Quem faz o que faz simplesmente para pode pagar as contas não dará o seu melhor. É impossível não se tornar mediano, ao longo do tempo, se estivermos fazendo o que não amamos fazer. Em vendas é a mesma coisa. O vendedor precisa amar atender bem, sentir prazer ao responder às objeções dos clientes, afinal, objeções são um sinal de interesse. Ame vender, mais que isso, ame ajudar as pessoas a resolverem seus problemas. Desta maneira, você vai ser feliz e, de brinde, ganhará muito dinheiro.

Venda é coisa SÉRIA. Isso não significa que você não possa se divertir vendendo. Leve a venda a sério, mas, a todo o momento, esteja sorrindo, feliz da vida, contagiando, ajudando a fazer do mundo um lugar melhor para se viver. Vendedores têm nas mãos a possibilidade de ajudar os clientes a se sentirem bem; não a perca!

Se você quer vender mais, jogue fora suas ideias medíocres de que cliente é tudo igual, venda é tudo igual. Para as ideias descritas acima entrarem na sua vida, na sua mente, você vai ter que jogar fora outras que estão atrapalhando seu desenvolvimento. Um copo cheio de água não pode servir para tomar vinho, a não ser que você o esvazie primeiro.

Um abraço, fique com Deus, muito sucesso e felicidades, sempre!

Professor Paulo Sérgio Buhrer

P.S. e você, empresário, tem treinado o pessoal da sua empresa para fazerem da venda coisa SÉRIA?

Crédito foto: freedigitalphotos.net/stockimages

RELATED ITEMS
Informações do Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *