Você sabe escutar? Nem todo mundo sabe. Faça o teste

Escutar é uma habilidade que precisa ser desenvolvida, pois não nascemos com ela. Este teste vai lhe dizer se você tem a habilidade de escutar. Responda as questões em termos da sua maneira de ser. Não procure “acertar” ou imaginar a melhor resposta. Seja você mesmo.

S = SIM        N = NÃO        + –  = MAIS OU MENOS

1. Você prefere falar? (em vez de ouvir)   S    N   + –

2. Você costuma memorizar (ou anotar) os itens mais importantes de uma conversação?  S     N   + –

3. Você tem o hábito de prestar atenção às mensagens não verbais (gestos, postura, expressão facial etc.) e as utiliza como fonte de referência para dar seguimento ao diálogo?  S    N   + –

4. Você costuma virar-se, mexer-se, olhar para os lados ou ocupar-se com o celular enquanto alguém fala com você?   S   N   + –

5. Você costuma fazer perguntas para que você possa entender melhor o que a outra pessoa diz?   S   N  + –

6. Você demonstra um real interesse no que a pessoa está dizendo, olhando atentamente para ela?   S   N  + –

7. Você solicita uma nova explicação ou repetição de algo que não tenha entendido bem?  S     N   + –

8. Você tem o hábito de interromper as pessoas enquanto elas estão falando?  S    N   + –

9. Você presta atenção aos conteúdos emocionais tanto quanto escuta o que a pessoa diz?  S     N   + –

10. Você demonstra impaciência ou irritação, quando alguém lhe diz algo que lhe aborrece?  S    N   + –

Faça sua contagem de pontos

Marque um ponto para cada resposta SIM dada às seguintes perguntas: 2, 3, 5, 6, 7, 9

Marque um ponto para cada resposta NÃO dada às seguintes perguntas: 1, 4, 8, 10

Marque meio ponto para cada resposta MAIS OU MENOS

 TOTAL DE PONTOS: ______

Seu resultado

De 9 a 10 pontos. Você é um bom ouvinte. Sabe captar as ideias do interlocutor e sua atitude desperta confiança.

De 6 a 8,5 pontos. Você é um ouvinte médio. Consegue captar boa parte das mensagens, mas mostra, também, a necessidade de praticar mais a arte de bem ouvir, a fim de superar algumas deficiências.

Abaixo de 6 pontos. Você provavelmente tem dificuldades em saber ouvir. Boa parte das mensagens que escuta não é processada adequadamente e sofre algum tipo de interferência pessoal, o que o deixa “desligado” de alguns pontos importantes da conversação.

A diferença entre escutar e ouvir

Uma das melhores maneiras de demonstrar seu interesse pelas pessoas e estabelecer relacionamentos profícuos é a capacidade de saber escutar. Escutar é uma habilidade que precisa ser desenvolvida, pois não nascemos com ela. Gostamos mais de falar do que de escutar e poucas vezes nos concentramos em realmente ouvir. Confundimos escutar com ouvir. Ouvimos sons, ruídos, chiados, vozes, barulhos, mas não estamos, de fato, atentos a isso. Em geral só escutamos 25% do que ouvimos e os restantes 75% são eliminados. Escutar significa prestar atenção. Quando escutamos, isto é, prestamos atenção, somos capazes de entender melhor quem a pessoa é, sua forma de pensar e de agir. A capacidade de saber ouvir atentamente é uma das competências mais importantes que podemos desenvolver, pois dela depende, em alto grau, a condição de resolver conflitos e estabelecer entendimentos proveitosos tanto no ambiente de trabalho quanto familiar.

Texto extraído e condensado do livro O Livro das Relações Humanas – Seu Manual para Obter Sucesso com as Pessoas, de Ernesto Berg, Juruá Editora. Para maiores detalhes, ou adquirir a obra acesse www.quebrandobarreiras.com.br seção de LIVROS, ou acesse aqui.

Veja outros artigos de desenvolvimento profissional, liderança e motivação no site Quebrando Barreiras. ACESSE AQUI.

Ernesto Berg                                                                                                                                                                                                                                Consultor de empresas, professor, palestrante, articulista, autor de 14 livros, especialista em desenvolvimento organizacional, negociação, gestão do tempo, criatividade na tomada de decisão, administração de conflitos.  Graduado em Administração e Sociologia,  Pós-graduado em Administração pela FVG de Brasília. Foi executivo do Serpro em Brasília por 10 anos e consultor Senior da Alexander Proudfoot Company de São Paulo.

Editor do site www.quebrandobarreiras.com.br , voltado para a área de recursos humanos, administração e negócios. Email: [email protected]

 

Crédito imagem: freedigitalphotos.net

Informações do Autor

Ernesto Berg

Consultor de empresas, professor, palestrante, articulista, autor de 18 livros, especialista em desenvolvimento organizacional, negociação, gestão do tempo, criatividade na tomada de decisão, administração de conflitos.  Graduado em Administração e Sociologia,  Pós-graduado em Administração pela FVG de Brasília. Foi executivo do Serpro em Brasília por 10 anos e consultor Senior da Alexander Proudfoot Company de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *